Central de Notícias

ARTIGOS

Conte menos com a sorte

05/07/2017 - Anderson Bichara

O estudo para concursos é cercado por muitos mitos, muitas inverdades. Frases são repetidas e repetidas e repetidas, causando a falsa impressão de que são verdadeiras. Em muitos casos, fica realmente difícil apresentar a questão sob um novo enfoque.

Nesse contexto, uma das frases mais ouvidas por aí é a seguinte: para passar em concurso, o aluno tem que “dar sorte”. Pior é ouvir que “você passou em concurso porque deu sorte”.

Ouvi essa frase, na época de concurseiro, incontáveis vezes. Sempre que a ouvia, me perguntava: será que eu tenho mesmo que ter sorte? Será que se eu fizer o meu melhor eu vou continuar dependendo da sorte?

Será?

Bom. O estudo para concurso depende de vários fatores, os quais perpassam desde a escolha do material ao enfoque dado pela comissão organizadora; desde a organização do tempo pelo aluno à organização de um bom resumo para rever o conteúdo próximo à data de realização da prova etc.

Não basta estudar e estudar. É preciso saber 1) escolher o material de estudo; feita essa escolha, é preciso 2) saber o que é cobrado pela banca; sabido isso, é preciso 3) saber como a banca cobra o conteúdo. E será que, apenas contando com a sorte, alguém cumpriria essas três etapas? E uma vez cumpridas, o que faria o candidato: esperaria o dia da prova, sem estudar com afinco e determinação?

Ora, não nego que a sorte é indispensável na vida. Sem ela, o sujeito muitas vezes não conseguiria nem sair de casa (ou, se o fizesse, estaria em risco). Brincadeiras à parte, prefiro pensar como Anthony Robbins: a sorte é o encontro da preparação com a oportunidade.

Voltando ao concurseiro (e às três etapas), uma vez que ele esteja de posse do material adequado para estudar e saiba o que vai ser cobrado e como o assunto será explorado pela banca, caberá ao candidato estudar. E quanto mais estudar, menos dependerá da sorte.

É como um gradiente: quanto mais assimila, quanto mais acumula conhecimento, menos depende da sorte.

E você: continuará dependendo da sorte? No seu lugar eu não quereria contar apenas com ela. Conte com o LS Sistema de Ensino; conte menos com a sorte.