Central de Notícias

ARTIGOS

O que você quer ser quando passar?

28/01/2017 - Gustavo Costa

O ano de 2018 já chegou com editais lançados (confira as notícias aqui) e a promessa de ser bem diferente de 2017, em que vimos uma “seca” de concursos em diversas áreas. Apesar do prenúncio de um ano farto para os concurseiros, muita gente ainda não viu o tão sonhado edital publicado do Diário Oficial e, enquanto isso, continua estudando com base na fé de que “esse ano sai”.

Se pra quem estuda com um edital aberto a vida às vezes fica difícil, pesada e maçante, imagina para aqueles (espertos) que passam horas em meio a matérias difíceis, somente na esperança de fazer logo uma prova. Tem dias em que é quase impossível não se sentir desmotivado, com a sensação de que “estou estudando pra nada”, não é mesmo?

Nessas horas toda ajuda motivacional possível é bem-vinda, e tenho certeza de que você já tem algumas técnicas conhecidas para essa hora. Você já deve estar acostumado a mentalizar seu nome na lista de aprovados (se não está, pode começar!), já deve ter imaginado o traje que vai usar quando for assinar seu nome no termo de posse. Isso aí, em muitas horas, já é motivação suficiente pra voltar aos estudos. Mas e quando não é?

Bom, a dica hoje é: quando as suas já conhecidas artimanhas motivacionais não funcionarem, pergunte a si mesmo: o que você quer ser depois da posse?

Isso mesmo, pense ALÉM do dia tão esperado.

Uma tática comum e quase sempre infalível é sonhar com a primeira (e a segunda, a terceira, a quarta) grande viagem que você vai fazer nos seus dias de férias, com seu primeiro ano de salário. Pense em todos os lugares que você QUER e VAI conhecer. Faça a lista com a ordem dos lugares que você quer conhecer primeiro. Em que época do ano você vai, quem você vai levar junto?

Mas, como essa técnica já pode ser também bem conhecida do seu cérebro (e, por isso, não funcionar mais tão bem), pense em DETALHES. Pense no seu dia-a-dia, pense nos seus familiares.

Já tive aluna que adora viajar, mas se motiva mesmo pensando em panelas. O que? Sim, você leu certinho, panelas. Mas não qualquer uma! Sabe aquelas francesas, revestidas em cerâmica, com garantia vitalícia e cores chamativas? Elas custam muito, mas com um bom cargo público, dá pra ter algumas. Depois que passar, essa aluna será a grande chef da casa.

Já tive também uma aluna cujo grande sonho era poder ter uma casa espaçosa para abrigar todos os animais que ela pudesse resgatar da rua. A estabilidade do emprego público foi o meio que ela achou para ser quem ela quer. Bateu a preguiça de estudar? Pensa naqueles bichinhos que vão deixar de passar fome por sua causa!

E aquela reforma que sua mãe sempre quis fazer na casa? Você pode dar de presente. O carro dos sonhos do seu pai? Você ajuda a pagar (parece que o jogo virou, não é mesmo? Rs…) Aquela FESTONA de casamento. Pros já casados, uma segunda e melhor lua de mel. As possibilidades são infinitas!

E aí, já pensou em como vai ser sua vida depois que essa fase concurseira passar? Siga minha página no Facebook ou no Intagram e me conta o que é que te motiva!

E se você ainda não tem um consultor para planejar seus estudos e te ajudar nessa caminhada, marque sua entrevista!

Um grande abraço,

Gustavo Costa.

gustavo@lsconcursos.com.br

Clique a seguir e siga-me no Instagram: