NOSSA EQUIPE

Felipe Arlota Porto

– Aprovado e nomeado como Fiscal de Tributos da Prefeitura de Maricá-RJ 2018 (ISS Maricá) em 5º lugar;
– Aprovado no concurso para Auditor Interno da Transpetro 2016 em 89º lugar;
– Formado em Administração de Empresas pela Universidade Candido Mendes (UCAM-RJ);
Ex-aluno LS Concursos

Olá, pessoal! Tudo bem?

Meu nome é Felipe Arlota Porto, tenho 35 anos, sou formado em Administração de Empresa e atualmente exerço o cargo de Fiscal de Tributos no município de Maricá-RJ desde 2019.

O sonho de ser servidor público já havido surgido na minha cabeça desde muito cedo, mas, por conta das circunstâncias da vida, eu acabei tendo que deixar este objetivo guardado para um segundo momento.

Após eu ter concluído a faculdade e ter trabalhado em algumas excelentes empresas, a vontade de ser servidor público despertou novamente na minha cabeça e eu acabei me matriculando em um curso presencial focado no concurso de analista do Bacen, que ocorreu lá em 2010. Estudei durante poucos meses para a prova e, apesar de ter obtido um resultado melhor do que imaginava, obviamente, não consegui me classificar. Depois dessa prova, novamente as circunstâncias da vida me levaram a adiar, mais uma vez, o sonho de ser servidor público.

Em meados de 2014, a vida ia muito bem, obrigado, e eu vivia numa roda-viva tão grande, que nem percebia o tempo passar, quando, um belo dia, eu cheguei em casa e recebi da minha esposa a melhor notícia de todas: EU IA SER PAI!!!! Ou seja, eu precisava retomar o “projeto servidor público” o mais rapidamente possível, para que eu conseguisse ter uma rotina mais sadia de trabalho e que me proporcionasse mais tempo para a família. Eu ainda levei um tempo para colocar a decisão de começar a estudar em prática e acabei começando de verdade somente em março de 2016.

Comecei estudando para Auditor-Fiscal da Receita Federal, mas, como não havia nem sinal de quando o concurso sairia, o qual até hoje ainda não saiu, acabei mudando o foco dos estudos por conta de um edital que havia saído em 2016 para o concurso de Auditor Interno da Transpetro. Estudei para este concurso durante as três semanas que antecederam a prova de uma forma totalmente desestruturada e, para a minha surpresa, fiquei classificado na 89ª posição geral das 147 disponibilizadas pelo edital, sendo 7 vagas imediatas e mais 140 no cadastro de reserva, mas acabei não sendo chamado. Faz parte! Apesar disso, o meu resultado nessa prova me fez perceber, de imediato, duas coisas: a primeira delas foi que eu era capaz de passar e, a segunda, foi que eu precisava estudar muito, além de contar com uma ajuda profissional, que pudesse planejar e direcionar os meus estudos. Assim, com esperança renovada, busquei um serviço de coaching e comecei a aprender a estudar. Permaneci nesse serviço por dois anos e um mês, adquiri um pouco de experiência nos estudos e fiz diversas provas, todas sem êxito. 

Em 2017, fui fazer o concurso do TCE-PE e conversando com alguns concurseiros que lá conheci, eu percebi que, praticamente, todos eles faziam a orientação de estudos na LS e falavam muito do serviço. Apesar de eu ter ficado bastante curioso e ter gostado muito do que ouvi, resolvi continuar no programa de coaching no qual já estava matriculado. Após mais algumas reprovações no início de 2018 e a grana ficando curta, percebi que eu precisava de mais uma reviravolta: decidi seguir carreira solo nos estudos e encerrei o serviço de coaching. Porém, na manhã seguinte à essa decisão, tive um insight e comecei a pesquisar sobre a LS. Li alguns depoimentos, assisti alguns vídeos de aprovados e decidi que era de uma orientação de estudos como a oferecida pela LS que eu estava precisando. Então, contratei o serviço e comecei com o planejamento focado na área fiscal, mas de uma forma mais ampla, por conta de ainda não termos um panorama muito bem definido naquele momento. Para minha sorte começaram a surgir autorizações e editais de concursos do meu interesse, tal como o ISS-Maricá. Como eu sou de Niterói, que é uma cidade colada em Maricá, e a minha esposa tinha acabado de passar no vestibular para medicina, resolvi agarrar a oportunidade do ISS Maricá com unhas e dentes. Coloquei na minha cabeça que eu ia dar o meu sangue e que eu ia passar nesse concurso. 

Então, fiz o pós-edital da LS para o ISS Maricá que foi bastante puxado, ainda mais por conta da pequena disponibilidade diária de tempo que eu tinha para os estudos, mas a metodologia da LS é realmente extraordinária e foi decisiva para o meu salto de qualidade. Afinal, em apenas seis meses de orientação de estudos, eu consegui ser aprovado no ISS Maricá, acertando 96% das questões objetivas e ficando em 5º lugar na ampla concorrência para o cargo de Fiscal de Tributos.

Hoje, eu tenho o imenso privilégio de integrar o seleto time de professores orientadores da LS e espero poder contribuir para a sua aprovação, tal como aconteceu comigo! Vamos juntos! Rumo à aprovação!

Um grande abraço a todos e fiquem com Deus!

Sigam-me no Instagram: @felipearlota.lsconcursos