Luiz Augusto de Melo Teixeira

Aprovado CGM SP 2016

Venho aqui contar um pouco da minha caminhada até chegar à aprovação para o concurso de auditor de controle interno da CGM SP.
No final de 2010, decidi largar meu cargo na Prefeitura de Belo Horizonte e dedicar-se integralmente a concurso público. Comuniquei essa decisão à minha família que apoiou integralmente minha decisão e que poderia contar com eles no que eu precisasse.

Comecei a fazer alguns cursos presenciais para que eu pudesse ficar bem nas matérias básicas que caem em praticamente todos os concursos públicos (português, direito administrativo, direito constitucional, matemática financeira, raciocínio lógico, informática). Após terminar esses cursos, decidi realizar alguns concursos na área bancária, MPU e INSS. Eu fiquei em excedente em todos eles, mas não fui chamado em nenhum. Aos poucos fui percebendo que precisava focar numa área específica e decidi direcionar meu foco para a área fiscal em 2012.

Primeiramente, percebi que a prova era bem puxada e que precisava estudar mais umas dez matérias, pelo menos, além das básicas que já tinha estudado. Após ter uma boa noção em todas essas matérias, decidi no final de 2013 começar a viajar o Brasil realizando as provas, por sentir que já estava mais preparado para concorrer as vagas destinadas aos concursos.

Em 2013 eu fiz o concurso do ICMS SP, ICMS PA e ICMS ES e em 2014 fiz ICMS RJ, ISS SP, ICMS MS, ICMS RS, ISS Recife, ICMS PE, ISS Cuiabá, ficando em excedente nos concurso do ICMS ES, ISS SP, ICMS MS, ISS Recife e ICMS PE, sendo aprovado para técnico tributário para o Estado do Rio Grande do Sul.

No início de 2015, percebi uma escassez de provas na área fiscal e precisava continuar estudando e motivado para concurso, para realizar meu sonho que era ser auditor. Por ter ficado em excedente em vários concursos para auditor fiscal, percebi que precisava de uma orientação melhor nos estudos, estava faltando um “algo a mais” para que eu conseguisse ficar dentro das vagas nos concursos dessa área. Por indicações de conhecidos, decidi conhecer melhor a Consultoria LS e em janeiro de 2015 entrei para a Consultoria.

Iniciei a consultoria em 2015 com metas avançadas para área fiscal no 1º semestre. Quando saiu o edital do concurso para o TCU, perguntei ao meu consultor Rodrigo Ferreira e ele me incentivou a fazer. Não obtive sucesso nesse concurso, mas comecei a me identificar com a área de controle. Logo depois do concurso do TCU, saiu o edital da CGM-SP, decidi fazer esse concurso com estudos de 60 horas semanais, inclusive aos domingos.
No dia 23/02/2016 saiu o resultado definitivo da CGM-SP, com o meu nome na lista de aprovados. É uma sensação indescritível, que não seria possível sem as metas da consultoria que foram extremamente importantes nessa aprovação e também do apoio e orientação do meu consultor Rodrigo Ferreira que me ajudou nessa caminhada.

Queria agradecer também a minha família que me apoiou integralmente desde o início e me incentivou nas horas mais difíceis, não me deixando desistir do meu sonho em nenhum momento. E também queria agradecer aos meus amigos que sempre entenderam o meu sonho e estiveram ao meu lado durante todo esse tempo.

Termino este depoimento com um frase que levei comigo durante esta longa caminhada: “pra chegar onde poucos chegam, é preciso fazer o que poucos fazem”.
Um abraço.