Lorhan Henrique Costa

1º lugar no concurso da Câmara Municipal de Maringá

Fala, galera! Meu nome é Lorhan Henrique Costa, sou aluno da LS a cerca de 03 meses e estou aqui para contar um pedaço dessa minha jornada, em especial sobre uma conquista recente.

Estudo para concursos há algum tempo e já obtive algumas vitórias, em várias áreas, mas ano passado resolvi focar na área de controle, quando soube que o edital do Tribunal de Contas do Paraná estava para sair. Estudei por conta, como sempre fiz, e logrei a 20ª posição para o cargo de Analista de Controle – Área: Administração. Segui estudando sozinho, mas percebi que não vinha rendendo mais como desejava. Sentia um “gap” de desempenho que não sabia como superar. Insisti nesse erro até o meio de 2017, quando uma amiga me indicou a LS. Pesquisei sobre a consultoria e resolvi me matricular para aproveitar o pós-edital do TCE-PE, o qual iniciaria na semana seguinte. Iniciei a consultoria e já percebi uma grande diferença na metodologia, sentindo-me muito mais produtivo e direcionado.

Durante essa preparação para a Corte de Contas pernambucana surgiu o concurso da Câmara Municipal de Maringá – PR, minha cidade. Nesse edital, vi a oportunidade de concorrer ao cargo de Assessor Administrativo, para formados Administração, Ciências Contábeis e Economia. Relutei em fazer por medo de que atrapalhasse minha preparação para Pernambuco, mas resolvi me inscrever. Analisando o edital, vi que poderia aproveitar o pós-edital como preparação para esse certame, mas decidi que não iria estudar especificamente para ele. E assim foi. Realizei a prova e, poucos dias antes da prova do TCE-PE, tive a notícia de que fui aprovado em 1º lugar. A felicidade foi enorme! Apesar de ainda não ser esse meu objetivo, já configura uma melhoria para a situação atual. Um cargo de nível superior no Câmara da minha cidade, com carga horária de 30h semanais e salário de 5 mil, fora as benesses do Legislativo (há uma gratificação especial de 50%, por exemplo), com certeza me dará mais condições de continuar nessa luta rumo à carreira desejada.  Acho que essa é a principal motivação desse texto: mostrar que, apesar das “vacas magras” nos concursos, há oportunidades! Podemos conseguir um posicionamento interessante no setor público com a preparação que a LS nos proporciona, enquanto não chegamos ao topo. Mantenham os olhos abertos e conversem com seus consultores quando tiverem algo novo em vista. Eles podem lhes ajudar a conciliar o que for necessário.

Por ora, é isso. Espero voltar em breve para contar mais alguma vitória, de preferência como auditor ou analista de algum Tribunal de Contas. Foco no objetivo! Um abraço!