Central de Notícias

NOTÍCIAS

Concurso CGU: Compete ao Ministério da Economia definir quantitativo de vagas

22/07/2020

Atenção, concurseiros! De acordo com um documento divulgado pela Controladoria-Geral da União, cabe ao Ministério da Economia analisar a proposta enviada pela CGU para a realização de um novo concurso e emitir parecer sobre a adequação técnica e orçamentária.

A Controladoria-Geral propôs, em junho, a realização de uma nova seleção com vagas para as carreiras de Técnico Federal de Finanças e Controle e Auditor Federal de Finanças e Controle, porém, ainda não tiveram resposta à solicitação efetuada.

O oficial número de vagas do certame ainda não foi divulgado. No entanto, sabe-se que a CGU tem, atualmente, 1.708 cargos vagos para Técnico Federal de Finanças e Controle (TFFC) e 1.390 cargos vagos de Auditor Federal de Finanças e Controle (AFFC).

A última solicitação, realizada em 2019, contemplou 655 vagas para o cargo de Auditor Federal de Finanças e Controle e 71 para Técnico Federal de Finanças e Controle.

Último edital

Realizado em 2012, o último certame da CGU teve o provimento de 250 vagas para para Analista de Finanças e Controle nas seguintes especialidades:

  • Administrativa – 18 vagas;
  • Correição – 12 vagas;
  • Comunicação Social – 4 vagas;
  • Auditoria e Fiscalização (Infraestrutura) – 22 vagas;
  • Auditoria e Fiscalização (Geral) – 118 vagas;
  • Tecnologia da Informação – Sistemas – 32 vagas;
  • Tecnologia da Informação – Infraestrutura – 14 vagas;
  • Prevenção e Ouvidoria – 30 vagas.

A remuneração para o cargo, na época, era de R$R$ 12.960,77.

O concurso contou com seis etapas:

  • Etapa 1
    • Prova Objetiva 1 – de Conhecimentos Básicos, de caráter eliminatório e classificatório, comum a todas as Áreas, valendo, no máximo, 60 pontos ponderados;
  • Etapa 2
    • Prova Objetiva 2 – de Conhecimentos Específicos, de caráter eliminatório e classificatório, comum a todas as Áreas, valendo, no máximo, 60 pontos ponderados;
  • Etapa 3
    • Prova Objetiva 3 – de Conhecimentos Especializados, para cada Área/Campo de Atuação, de caráter eliminatório e classificatório, valendo, no máximo, 180 pontos ponderados;
  • Etapa 4
    • Prova Discursiva – de caráter eliminatório e classificatório, valendo, no máximo 90 pontos;
  • Etapa 5
    • Sindicância de Vida Pregressa – de caráter unicamente eliminatório, a ser realizada pela ESAF, segundo regras estabelecidas pela Controladoria-Geral da União, mediante o exame da documentação exigida do candidato indicada no edital;
  • Etapa 6
    • Curso de Formação – de caráter eliminatório, ao qual serão submetidos somente os candidatos habilitados e classificados nas Etapas 1 a 4 deste

Para mais informações, acesse o edital de 2012 do concurso da CGU.

Faça sua preparação com a nossa equipe! Agende uma conversa gratuita com um professor orientador da LS. 

Compartilhe: