Central de Notícias

NOTÍCIAS

Concurso Senado: Comissão analisa dados e elabora de projeto básico

23/10/2019

Ótimas notícias concurseiros! De acordo com as informações, a Comissão Organizadora do concurso público do Senado já iniciou seus trabalhos. A informação foi repassada pela Assessoria de Comunicação do órgão, que afirmou que o grupo já está na fase de análises de dados que irão nortear as próximas atividades e ações.

Além deste estudo, a comissão também está trabalhando na elaboração do projeto básico do concurso do Senado Federal. Esse documento funciona como um espelho para o edital do certame, por essa razão, também é conhecido como termo de referência. 

É no projeto básico que informações sobre cargos, vagas, escolaridades, etapas do concurso e cronograma são divulgadas primeiramente. De acordo com o Senado, será neste documento que o modelo de contratação com a Banca Organizadora será indicado.

Com a finalização do projeto básico, inicia-se a fase de recebimento das propostas das empresas que têm interesse em organizar o concurso do Senado. A expectativa é que o edital do Senado Federal seja divulgado após a contratação da Banca Organizadora.

Sobre o concurso

A expectativa é que o edital tenha o provimento de 40 vagas para cargos de Advogado, Analista e Técnico. De acordo com o documento divulgado, as oportunidades serão divididas da seguinte maneira:

  • Técnico Legislativo, Nível II, padrão 21, na especialidade Policial Legislativo, com requisito de escolaridade de nível médio: 24 vagas;
  • Advogado, Nível III, padrão 41, na especialidade Advocacia, com requisito de escolaridade de nível superior: 4 vagas;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Administração, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 vagas;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Arquivologia, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Assistência Social, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Contabilidade, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Enfermagem, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Informática Legislativa, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Processo Legislativo, com requisito de escolaridade de nível superior: 2 vagas;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Registro e Redação Parlamentar, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia do Trabalho, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga;
  • Analista Legislativo, Nível III, padrão 36, na especialidade Engenharia Eletrônica e Telecomunicações, com requisito de escolaridade de nível superior: 1 vaga.

Clique aqui para ver o documento com informações do concurso público do Senado Federal na íntegra.

Requisito e remunerações dos cargos

Para concorrer a uma das vagas é necessário que o candidato:

  • Advogado (inicial de R$ 32 mil)
    • Diploma de conclusão de nível superior em Direito, além de inscrição, como Advogado, na Ordem dos Advogados do Brasil.
  • Analista Legislativo (R$ 25,8 mil)
    • Formação em nível superior, com diploma especializado na área de atuação desejada.
  • Técnico Legislativo (R$ 19,4 mil)
    • Formação de nível médio ou curso técnico, de acordo com a área especializada.
Inicie já a sua preparação para o concurso! Agende uma entrevista gratuita com um de nosso consultores.