Central de Notícias

NOTÍCIAS

Concurso STJ: Oferece vagas para nível médio e superior

16/01/18

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) publicou edital que promove 5 vagas imediatas, mais cadastro reserva para candidatos em Nível Médio e Superior. As oportunidades são destinadas para os cargos de Analista e Técnico Judiciário. A remuneração inicial para os cargos (sem benefícios) é de R$ 6.708,53 e de R$ 11.006,82 respectivamente.

O responsável pela organização do certame é o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe).

Você pode conferir o edital clicando nesse link.

Inscrições

Os candidatos poderão se inscrever entre 10 horas do dia 26 de janeiro de 2018 e 18 horas do dia 19 de fevereiro de 2018, no site oficial da organizadora Cebraspe. A taxa de inscrição custará R$70,00 para Técnico Judiciário; e R$85,00 para Analista Judiciário.

Cargos dos concurso STJ 2018

Abaixo você confere os cargos ofertados no edital e todas as informações sobre o concurso.

Função 1: Analista Judiciário – Área: Judiciária

Exigências: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atividades: realizar atividades de nível superior relacionadas ao recebimento, análise e processamento de petições e feitos, à verificação de prazos processuais, à juntada de petições aos autos, à análise, classificação, cálculo, atualização e contabilização de valores, à preparação de proposta orçamentária de precatórios, à análise, indexação e pesquisa de jurisprudência, bem como à realização de estudos e elaboração de minutas de relatório, entre outras.

Função 2: Analista Judiciário – Área: Judiciária – Especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal

Exigências: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atividades: realizar atividades de nível superior relacionadas ao cumprimento de mandados de citação, notificação e intimação, bem como à execução de medidas preventivas e assecuratórias e demais ordens judiciais expedidas pelas autoridades competentes, entre outras.

Função 3: Analista Judiciário – Área: Administrativa

Exigências: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Atividades: realizar atividades de nível superior desenvolvendo as funções de planejamento, execução e controle relacionadas à administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros, ao desenvolvimento organizacional, licitações, contratos, auditoria, dentre outras.

Função 4: Técnico Judiciário – Área: Administrativa

Exigências: certificado de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Atividades: executar tarefas de apoio à atividade judiciária e de suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais, relacionadas às funções de recursos humanos, material e patrimônio, licitações e contratos, orçamento e finanças, controle interno e auditoria, segurança e transporte, entre outras.

Função 5: Técnico Judiciário – Área de atividade: Apoio especializado – Especialidade: Desenvolvimento de Sistemas

Exigências: certificado de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau), expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Atividades: realizar atividades de nível intermediário, de natureza técnica, relacionadas à execução de tarefas que envolvam suporte técnico e administrativo em desenvolvimento, implantação, manutenção de sistemas informatizados, tecnologias de rede, banco de dados, sistemas operacionais, segurança da informação, tecnologias de colaboração, internet, telecomunicações e microinformática.

Função 6: Técnico Judiciário – Área de atividade: Apoio especializado – Especialidade: Enfermagem

Exigências: certificados de conclusão de curso de nível médio e de curso técnico em enfermagem expedidos por instituições de ensino reconhecidas pelo MEC.

Atividades: executar tarefas relacionadas às atividades de apoio ao tratamento de enfermagem, recepção de pacientes, entre outras.