Central de Notícias

NOTÍCIAS

Concurso TJDFT: Tribunal realiza estudos das necessidades das áreas

13/07/2021

Ótimas notícias, concurseiros! A Assessoria de Imprensa do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Território confirmou que o órgão está realizando estudos para a elaboração de um novo edital. De acordo com o setor, o TJDFT está produzindo um levantamento das áreas com maior necessidade de servidores.

“A informação que temos sobre concurso é que o TJDFT está fazendo um estudo para levantamento das necessidades de servidores em áreas específicas e posterior elaboração de um edital, mas ainda não há data definida para publicação”, explicou a Assessoria ao site Folha Dirigida.

A informação foi divulgada poucos dias após o presidente do Tribunal informar que a minuta do edital seria produzida ainda nesta semana. No último dia 7, o desembargador Romeu Gonzaga confirmou que o novo concurso do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios com vagas para analistas e técnicos poderá ser divulgado em breve.

Segundo ele, outros Tribunais que estão com certames abertos não estão disponibilizando servidores para que o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios faça a nomeação desses e, com isso, o déficit no quadro de servidores do órgão está crescendo.

“Vamos trabalhar para isso, para que a gente bata o martelo hoje (dia 7 de julho) com a corregedora e, a partir da semana que vem, já preparar, possivelmente, uma minuta de um edital”, informou o presidente.

Resumo do concurso
  • Banca: a definir;
  • Vagas: a definir;
  • Cargos: Técnico e Analista;
  • Escolaridade: nível médio e nível superior;
  • Próxima etapa: autorização do concurso.
Assessoria já havia confirmado andamento dos estudos

Em resposta ao site Gran Cursos Online, a Assessoria do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios confirmou que há estudos em andamento que objetivam subsidiar ações sobre o novo concurso.

Ainda de acordo com o setor, a seleção terá o provimento de vagas para Analista Judiciário e Técnico Judiciário. A Assessoria comunicou que essas informações foram emitidas pela área técnica do Tribunal.

No entanto, a área técnica reforçou que, no momento, o TJDFT lida com a escassez de recursos e o Tribunal está aproveitando aprovados em concursos de outros órgãos. Segundo as informações, atualmente, o Tribunal conta com 396 cargos de Analista e Técnico vagos.

Último edital

Realizado em 2015, o último concurso do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios teve o provimento de 80 vagas para as carreiras de:

  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Análise de Sistemas;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Biblioteconomia;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Psicologia;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Suporte em Tecnologia da Informação;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Clínica Médica;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Ginecologia-Obstetrícia;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Neurologia;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Pediatria;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Psiquiatria;
  • Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Odontologia – Ramo: Dentística;
  • Analista Judiciário – Área: Judiciária;
  • Analista Judiciário – Área: Judiciária – Especialidade: Oficial de Justiça Avaliador Federal;
  • Técnico Judiciário – Área: Administrativa;
  • Técnico Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Enfermagem;
  • Técnico Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Programação de Sistemas.

O processo seletivo do certame foi dividido em:

  • Prova objetiva
    • Conhecimentos Básicos (50 questões);
      • Língua portuguesa;
      • Noções de informática (exceto para o cargo 1: analista judiciário – área: apoio especializado – especialidade: análise de sistemas, cargo 4: analista judiciário – área: apoio especializado – especialidade: suporte em tecnologia da informação e cargo 15: técnico judiciário –área: apoio especializado – especialidade: programação de sistemas);
      • Noções de língua inglesa (somente para o cargo 1: analista judiciário – área: apoio especializado – especialidade: análise de sistemas, cargo 4: analista judiciário – área: apoio especializado – especialidade: suporte em tecnologia da informação e cargo 15: técnico judiciário – área: apoio especializado – especialidade: programação de sistemas);
      • Ética no serviço público;
      • Atualidades.
    • Conhecimentos Específicos (70 questões);
  • Prova Discursiva 
    • Conhecimentos Específicos.

Para mais informações, acesse o edital de 2015 do concurso TJDFT.

Inicie já a sua preparação para o concurso! Agende uma conversa gratuita com um professor orientador da LS.

Compartilhe: