Central de Notícias

NOTÍCIAS

Polícia Federal: segundo fonte, Economia já autorizou o concurso

21/10/2020

Boas notícias, concurseiros! De acordo com uma fonte interna da Polícia Federal, o Ministério da Economia já autorizou a realização do concurso da corporação. No entanto, a decisão ainda não foi oficialmente assinada.

Com o certame autorizado, o órgão poderá dar início aos trâmites que envolvem a realização do certame. Vale lembrar que no cronograma previsto, a publicação do edital será no dia 8 de dezembro.

A expectativa é que a autorização do concurso PF seja divulgada nos próximos dias em Diário Oficial da União. 

No último dia 16, a Polícia Federal já havia informado que estava apenas aguardando o aval do Ministério da Economia para avançar com os preparativos do próximo concurso PF. Ainda de acordo com o site, a corporação não estuda ter que montar uma comissão, uma vez que já há um setor próprio para tocar essa demanda, assim que a autorização for oficializada.

Concurso PF

Em vídeo divulgado no dia 20 de agosto, o presidente Jair Bolsonaro autorizou a realização do concurso da Polícia Federal. Segundo Bolsonaro, o certame terá o provimento de 2 mil vagas para a carreira de Policial Federal.

De acordo com o presidente, uma conversa com o diretor-geral da PF, Rolando Alexandre, e os ministros André Mendonça (Justiça e Segurança Pública) e Paulo Guedes (Economia) foi realizada para definir e autorizar o concurso.

Com a autorização, os próximos passos do certame são a formação da comissão organizadora, criação do projeto básico, contratação da banca e, por fim, publicação do edital.

Divisão de vagas do concurso

Segundo as informações, as oportunidades do concurso da PF serão divididas entre as carreiras de:

  • Delegado – 300 vagas;
  • Agente – 1.016 vagas;
  • Escrivão – 600 vagas;
  • Papiloscopista – 64 vagas.
Possível cronograma da PF

O edital da Polícia Federal está previsto para sair ainda neste ano. De acordo com as informações, a assinatura do contrato com a banca organizadora da seleção será realizada no dia 23 de novembro. Já a publicação do edital está prevista para ocorrer no dia 8 de dezembro.

A primeira etapa do certame, as provas objetivas e discursivas, está prevista para ocorrer no dia 11 de abril de 2021. O teste de aptidão física deve ocorrer nos dias 12 e 13 de junho de 2021.

Confira mais algumas datas do concurso da PF:

  • Preenchimento da Ficha de Informações Confidenciais: de 19 a 26/07/2021;
  • Prova de Digitação (EPF): 22/08/2021;
  • Aplicação da Avaliação Psicológica: 26/09/2021;
  • Heteroidentificação – Candidatos Negros: 31/10/2021;
  • Avaliação de Títulos: de 22 a 26/11/2021;
  • Resultado final: 21/12/2021.

As datas dos cursos de formação do concurso da Polícia Federal também foram divulgados:

  • Início do 1º Curso de Formação Profissional: 31/01/2022;
    Final do 1º Curso de Formação Profissional: 1º/07/2022;
    Nomeações da 1ª turma: 03/08/2022.
  • Início do 2º Curso de Formação Profissional: 18/07/2022;
    Final do 2º Curso de Formação Profissional: 15/12/2022;
    Nomeações da 2ª turma: 11/01/2023.
  • Início do 3º Curso de Formação Profissional: 30/01/2023;
    Final do 3º Curso de Formação Profissional: 30/03/2023;
    Nomeações da 3ª turma: 31/07/2023.
  • Início do 4º Curso de Formação Profissional: 17/07/2023;
    Final do 4º Curso de Formação Profissional: 15/12/2023;
    Nomeações da 4ª turma: 10/01/2024.

Vale lembrar que essas datas são previsões e que o cronograma oficial será divulgado no edital de abertura do concurso da Polícia Federal.

Concursos de dois em dois anos

Durante uma live promovida pela Associação Nacional dos Delegados da PF, o delegado-geral da Polícia Federal, Rolando Alexandre de Souza, informou que, se der tudo certo, o edital da corporação pode ser lançado ainda em 2020.

Além disso, Souza comentou que ao fim de 2022, é possível que a Polícia Federal possua disparadamente o maior efetivo da sua história. Isso porque a ideia é que haja uma periodicidade entre os certames do órgão. 

“Há uma ideia de conseguirmos pelo menos concursos a cada dois anos. Concursos menores, mas nos permitirá oxigenar continuamente a Polícia Federal”, informou o diretor da corporação.

O delegado-geral comentou ainda sobre os concursos de nível médio na PF. De acordo com Souza, há um pedido de 500 vagas que a corporação está tentando a liberação, “mas se conseguirmos pelo menos o projeto de lei com a realização de concursos a cada dois anos, isso com certeza nos ajudará bastante”, explicou.

Para mais informações sobre o último concurso PF, clique aqui.

Se interessou pelo certame? Inicie já a sua preparação! Agende uma conversa gratuita com um professor orientador da LS.

Compartilhe: