Central de Notícias

NOTÍCIAS

TRE Pará: Justiça Federal suspende concurso para Analista Judiciário

30/03/2020

Atenção concurseiros! A Justiça Federal suspendeu o concurso do Tribunal Regional Eleitoral do Pará com vagas para o cargo de Analista da Área Judiciária. A decisão urgente acatou o pedido do Ministério Público Federal do estado. 

Segundo denúncias de candidatos, houve violação de um dos envelopes com provas aplicadas em Santarém, na região oeste do Pará. A suposta violação teria ocorrido durante a aplicação das provas pela manhã. 

De acordo com a decisão, a probabilidade de que possa ter ocorrido qualquer tipo de ausência de sigilo do conteúdo da avaliação afronta os princípios da segurança e transparência do ato administrativo. Sendo assim, é motivo suficiente para suspensão liminar.

Informada sobre o ocorrido, a Comissão do certame do TRE-PA orientou pelo registro em ata do fato e a realização normal das provas, como foi realizado na época, com a devida compensação de horário de atraso no início. 

Com a confirmação do vazamento e a suspensão das provas para analista, a expectativa é para aplicação de novos exames. Ainda não há informações sobre a remarcação da avaliação.

Relembro do concurso

O certame terá o provimento de três vagas de início imediato, além da criação de cadastro reserva, para as carreiras de:

  • Analista Judiciário da Área Judiciária: 1 vaga + CR;
  • Analista Judiciário da Área Administrativa: CR;
  • Analista Judiciário Apoio Especializado (Medicina/Psiquiatria): CR;
  • Analista Judiciário Apoio Especializado (Análise de Sistemas): CR;
  • Técnico Judiciário da Área Administrativa – Nível Médio: 2 vagas + CR;
  • Técnico Judiciário Apoio Especializado (Operação de computadores) – Nível Médio: CR.

Para os cargos de Analista Judiciário, é necessário que o candidato possua formação superior nas especialidades dos cursos de Direito, Engenharia Elétrica, Medicina e Ciência da Computação. 

Já para a carreira de Técnico Judiciário, é cobrado a certificação no ensino médio. Porém, para as área de especialidade, é necessário que o candidato tenha formação técnica em cursos como Administração, Redes, Operação de Computadores e Desenvolvimento de Sistemas. 

Para mais informações sobre o concurso, clique neste link.

Compartilhe: